Aprende/Ensina – Cora Coralina

4 set

Image

Depois de um bom tempo sem escrever volto com outra frase da Cora Coralina para nossa apreciação. Eu venho me esforçando pra por em prática o que dizem essas palavras da sábia escritora. É muito comum vermos pessoas que transferem seus conhecimentos com parcimônia, com medo de que o outro possa superá-lo. Mas a verdade venho percebendo, é que quanto mais ensinamos, mais aprendemos. Por isso pessoal vamos compartilhar o conhecimento. Eu compartilho o cartaz aqui nesse link. Aproveitem.

Nosso presente para Belém

12 jan

Hoje 12 de janeiro é o aniversário de 396 anos da nossa querida Belém. Uma cidade cheia de encantos, cheiros e sabores. Muita gente reclama de Belém, que é muito quente, desorganizada, cidade de trânsito caótico e principalmente suja. Eu vejo todos esses defeitos em minha cidade. Porém o meu encantamento é tanto por aquilo que acho bonito na cidade que essas coisas nem arranham o meu sentimento de querer bem por ela. Na verdade eu tento sempre vislumbrar essa cidade em condições melhores, para mim uma das capitais com um dos maiores potenciais turísticos do Brasil, uma pena que nossos governantes dêem importância maior apenas para os segmentos do estado que já estão consolidados, como a agropecuária e a mineração. Mas o nosso amor por Belém resiste. E persiste. Nosso presente é este adesivo acima para ser colocado nas janelas dos ônibus e carros. Por que precisa que se modifiquem esses hábitos. Por que a gente vê muito isso acontecendo todo dia: pessoas jogando lixo pela janela. E nossa esperança é que por essas mesma janelas possamos ver no futuro um cenário mais limpo e organizado, mais digno para a beleza e história dessa cidade das mangueiras. Baixe o adesivo aqui.

Proposta de Novo Código Florestal Brasileiro é ultrajante. Não podemos deixar passar.

17 nov

Compartilhe nas suas redes.

As florestas são a maior riqueza do nosso país. Com investimentos em pesquisa o Brasil tem potencial para se tornar um dos maiores exportadores de medicamentos e cosméticos, só pra citar dois grandes ramos industriais que dão lucros altíssimos no mercado mundial. E o melhor de tudo, explorando esses recursos de maneira sustentável, nossos ganhos podem ser pra sempre. Não precisamos de mais áreas para cultivar alimentos. Precisamos é de investimentos em ciência e tecnologia para explorar de forma mais eficiente nossos solos no plantio, ou mesmo utilizando técnicas como a agrofloresta que é o cultivo de alimentos simulando a forma como isso acontece na natureza, mantendo a floresta e sua biodiversidade, evitamos as pragas e a degradação do solo que ocorrem nas grandes áreas de cultivo de monoculturas. Vamos ficar alertas meus amigos essa discussão é extremamente importante, mais do que para nós, para nossos filhos e netos. O que vem ser discutido no Senado é se daremos anistia aos grandes destruidores das florestas, que já nos deixaram apenas com 63% de nossa cobertura vegetal original, e se vamos permitir que eles explorem mais 50% disso que nos resta. Mais uma vez o Congresso, coloca em pauta mudança na lei que favorece a muitos deles mesmos (vários congressistas são donos ou vinculados com os negócios madeireiros, agrícolas e pecuários, principais interessados na mudança do Código Florestal para pior), ignorando aquilo que qualquer ser com um mínimo de informação vê que não é favorável para o bem da coletividade. Temos que fazer barulho nas mídias sociais. Não podemos deixar que esse código seja endossado da forma como está. Este cartaz é a minha forma de gritar contra isso. Imprima ou compartilhe pelas redes sociais.

Frase Cora Coralina

10 nov

Clique para ampliar

A frase acima faz parte de um poema da Cora Coralina extraída pela minha amiga Liliana Ciuffi. Gostei muito dessa frase. Me identifico com ela por que venho procurando na minha vida recriar minha forma de viver, minha forma de sentir e me comportar. Também recomeçar sempre que é necessário, retirando as pedras que às vezes bloqueiam o caminho por onde estou passando e outras vezes retirando aquelas pedrinhas pequeninas que entram no sapato e em outra proporção incomodam da mesma forma. Me esforçando ainda para plantar rosas – pra observar como a beleza nasce de coisas simples e se multiplica do próprio pó da terra- e fazer doces pra perceber que a vida mesmo com seus percalços é saborosa como um aniversário de criança. Recria.Remove.Recomeça. Viva Cora Coralina. Baixe esse poster aqui.

Dia do professor

14 out

Vivemos em uma sociedade que cultua personalidades. Há pouco vimos a repercussão que gerou a morte de Steve Jobs, um grande gênio com certeza, que deixou o seu legado. Entretanto penso que mesmo Steve Jobs teve seus professores, teve pessoas que lhe ensinaram os primeiros passos e que de alguma forma lhe auxiliaram a exponenciar sua inteligência e descobrir o seu talento. Ele mesmo disse que se desfaria de toda a sua tecnologia por uma tarde com Sócrates. O que seria Sócrates para ele que não um grande professor? A sociedade brasileira precisa dar mais valor aos seus mestres, sejam eles acadêmicos ou mestres da “vida”, pessoas que aprenderam com seus antecessores ou mesmo com sua observação e insistência em aprender. Precisamos dar valor a esses professores, para que eles possam transmitir seus ensinamentos com alegria e altruísmo, na busca de construirmos uma sociedade mais equilibrada e educada. Meu reconhecimento a vocês que compartilham o conhecimento está neste adesivo e neste marcador de livro. É só clicar nos links, baixar e imprimir.

Fazer o bem pra alguém

21 set

Clique para ampliar

Passei uns tempos sem postar devido a concorrência dos outros compromissos da vida (normal na vida de todo blogueiro). Volto com um tema que estive matutando esses tempos. Na verdade a ideia já estava semi-pronta a quase um mês e não tinha tido tempo de finalizar. Observando os grandes índices de depressão e demais doenças da alma que acometem a sociedade moderna, penso que muito disso pode ser solucionado com altruísmo. Explico. Quem sofre de depressão, na maioria dos casos perde o horizonte da vida, sente-se impotente diante das dificuldades que está enfrentando, não sonha mais com seus objetivos para o futuro, ou no mínimo acha que eles serão impossíveis. Escuto outros casos de pessoas que aparentemente tem “tudo” na vida, dinheiro, saúde, carreiras bem sucedidas, e ainda assim são acometidas de sentimentos de tristeza profundos. Digo então pra vocês, por experiência própria, que as conquistas que temos e influenciam apenas em nosso favor, nos trazem alegria, mas são alegrias fugídias… A alegria perene para o nosso coração está em a gente fazer feliz outras pessoas. Não sei vocês, mais a minha alegria maior acontece quando eu faço outras pessoas felizes. Eu acredito nisso. E sei que ainda faço bem pouco em favor dos outros. Mas aquilo que eu já tenho feito tem alimentado meu coração… Experimentem, não custa nada…. O maior bem na maioria das vezes são algumas palavras boas no momento certo, e isso só custa a nossa boa vontade. Fazer o bem para os outros às vezes pode ser apenas dizer um “bom dia!” para aquele pessoa que acha que ninguém nota ela. O cartaz que exprime esses meus sentimentos está aqui.

Frase interessante

24 jun

clique para ampliar

Mais um cartaz com uma frase instigante, pra ativar nossas reflexões. Essa frase quando eu conheci gravou na memória. Podem baixar o cartaz aqui.

Fineza não produzir fumaça

16 jun

Clique para ampliar

Esse assunto eu já planejava postar alguma coisa faz tempo mas ainda não tinha tido uma ideia legal. Acho que essa pelo menos é mais interessante visualmente do que aquele desenho de cigarro. É uma placa bem prática. Imprime e coloca aí no seu escritório vai. Todo mundo precisa respirar um ar mais puro. Se não dá pra morar no alto das montanhas pelo menos evitar os fumantes já garante um ar mais ameno. O cartaz está no formato A4 que é o formato mais fácil das pessoas imprimirem. Baixem o cartaz aqui.

Lençol Informativo: isso é design ativista!

7 jun

A agência BMB NY desenvolveu a pedido da UNICEF esses lençóis com informações impressas sobre dicas para cuidado de recém-nascidos. Eles foram desenvolvidos para serem doados primeiramente às mães de Uganda, país que tem o maior número de mortalidade infantil do mundo. Com a ação eles esperam reduzir esse quadro. No lençol estão ilustrados alguns cuidados que se deve ter com os bebês, como por exemplo aplicar as vacinas na 6ª, 10ª e 14ª semana (difteria, tétano e hepatite B para nascidos em Uganda). Outra informação importante é saber que eles devem mamar de 8 a 12 vezes por dia. Há também a possibilidade  de medir o crescimento do bebê com 1, 3, ou 6 meses, onde é só colocar o bebê nos espaços para medir (em lugares distantes de Uganda muitas mães não sabem ler). Você pode comprar, doar o lençol e conferir todo o projeto em theinformationblanket.org

Cecília Meirelles

13 maio

Clique aqui para ampliar

Vou inaugurar uma nova área no Design Ativista: frases interessantes. Nos blogs de design pela internet existem vários designers fazendo cartazes com frases de músicas ou autores famosos, então decidi de vez em quando também colocar frases de autores na língua portuguesa e que de alguma forma tragam uma mensagem positiva, com um direcionamento digamos “ativista”. A primeira escolhida foi uma frase da Cecília Meireles que descobri por acaso lendo uma revista em um consultório médico e me acompanha desde então gravada indelevelmente na memória. Se você gostou pode baixar o link aqui para imprimir.